Fechamento Outubro 2018

by - 12:49

Fala galera da Finansfera!!!

Que mês hein! Tivemos bastante coisa em outubro a começar pelas eleições seguido das grandes variações no mercado americano terminando com a eleição do Bolsonaro como presidente do Brasil. Estes acontecimentos estão diretamente ligados ao mercado financeiro brasileiro, sendo assim, vamos ver como ficou a carteira BPM no Brasil.

Fiz algumas mudanças na carteira do exterior e no Brasil só algumas cotas a mais de FII e a reentrada de Grendene à carteira.

Não deixem de conferir o site exclusivo sobre investimentos no exterior www.comoinvestirnoexterior.com


Vamos ao resumo!

Ações 

  • BIDI tá arrebentando a boca do balão e crescendo bastante. Estou de olho, pois não penso em ficar com o papel eternamente, para ficar com bancos eu já tenho Bradesco e Itaú que não penso em vender, sendo assim outros bancos como o BIDI penso em vender em breve. Acompanhando, Bradesco e Itaú deram uma boa subida também. No geral, com a vitória de Bolsonaro, a bolsa reagiu muito positivamente e a carteira cresceu 6% em cima dos ativos. Como teve a compra de Grendene, no total a carteira chegou a 9,29% de alta.

FII 

  • Seguindo as ações e a vitoria do Bolsonaro, os FII andaram bem também finalizando o mês em 7,30% de alta.

TD 

  • Respirando por aparelhos apenas com um IPCA 2020.

Poupança 

  • Será usada para enviar para o exterior e comprar ativos aproveitando essa recuada do dólar.

CDB

  • Mantendo o padrão de crescimento lento e gradual.

Debêntures e CRI

  • Sem novidades.

Stocks 

  • Tem novidade na carteira com a venda de um papel e a compra de outros. confira no site www.comoinvestirnoexterio.com. Stocks recuaram bem -5,08%

ETF 

  • Recuaram muito e devolveu quase todo o lucro que já tive. -8,45%.  É aqui que o Viver de Dividendos vai vir e falar: Eu te disse 😂

REIT

  • Subiu e caiu mas ainda tá bom  -2,10%.

Vamos ao consolidado:



Outubro foi um mês bem agitado. As ações brasileiras subiram bem e as americanas caíram bastante. Dólar começou a recuar. A carteira total cresceu 3,47% devido às ações brasileiras e ao dólar de fechamento que foi de mais de R$ 4,00. Lembrando que o fechamento é calculado com o dólar oficial do último dia útil da primeira quinzena do mês anterior.

Por enquanto é isso pessoal. Não deixem de aproveitar o desconto de 10% no spread quando for mandar dinheiro ao exterior usando o voucher "investirnoexterior".



Abraço a todos!

You May Also Like

4 comentários

  1. Excelente alta das ações em Outubro.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu DIL,

      Este mês foram as nacionais que seguraram porque as internacionais despencaram 😂

      Excluir
  2. BPM, muito bom. Eu tbm rebalanceei minha carteira Brasil aumentando para 20% RV minha exposicao em RV BR, muito alto para mim.
    No exterior firme e forte mas estou estudando sobre taxation e estou vendo que dividendos tomam uma paulada de 30% flat como não residente nos EUA enquanto ganhos de capital apenas 15%. Como estou de volta aqui não me afeta mas quando virar non-resident novamente terei que rever minha estratégia. Abcs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então AA40,

      Esse imposto come uma boa parte mesmo, por isso tem que escolher bons papeis que sobressaiam aos rendimentos no Brasil e mesclar com ações que não pagam dividendos como Berkshire, Google e Amazon mas temos que cuidar muito essas empresas de tecnologia, pois você sabe que a concorrência é forte.

      Abraço!

      Excluir

Deixe aqui seu comentário, colabore com a comunidade rumo à independência financeira!

Siga o BPM!