Vale a pena fazer assinatura de carro? 🚙

by - 04:37

Fala galera da Finansfera!!!


assinatura de carro vale a pena?


O post mais lido no ano de 2018 no blog foi com o título de "Assinatura de carro vale a pena?" Este é um assunto que divide opiniões, causa discussões e merece atualização constante, uma vez que sempre estamos buscando otimizar nossos gastos sem perder o conforto.

Fato é que carro é caro, vendemos barato depois, custa para manter e todos sabemos que não é um ativo. No entanto também proporciona conforto e segurança, uma vez que você pode sair a hora que quiser, carregar quem quiser e ir à lugares de difícil acesso, inclusive se estiver chovendo.




O que é assinatura de carro?


Basicamente a assinatura de carro consiste em você fazer um contrato de pelo menos um ano onde pagará uma mensalidade para ter o carro. A proposta é te entregar um carro novo e cobrar um valor que cubra as despesas de seguro, IPVA, manutenção e depreciação. Você não precisa dar nada de entrada nem financiar nada, basta fazer o contrato, pagar a mensalidade e sair rodando de carro zero.

Existem planos de um ou dois anos. Alguns planos garante outro carro zero no segundo ano. Contratando por dois anos tende a ficar mais barato um pouco. Lembrando que é uma mensalidade para uso do carro então no final você não terá o carro, pois não tem nada a ver com financiamento.



Assinatura de carro vale a pena?


Se você ainda não viu o post anterior, dá uma passadinha lá para ver todos os detalhes dos cálculos que fiz. Tem três comparações de assinatura de carro, juntamente com os cálculos de, se vale a pena ou não. Basta clicar neste link, ler e depois voltar aqui e continuar lendo.

Neste post vou atualizar apenas as simulações feitas anteriormente para vermos os preços. Será que os valores aumentaram ou diminuíram? Será que vale a pena fazer a assinatura de carro? Senão vejamos então!

Assinatura de carro Porto Seguro chamada de Carro Fácil


Fiz uma simulação em março de 2018 e agora, após um ano, vamos ver uma comparação com os valores para ver se o serviço está mais barato. A simulação anterior tinha sido de dois anos então estou repetindo o orçamento. Vejam que ele mostra na imagem o quanto teríamos se tivéssemos investido o dinheiro em um prazo de dois anos.

Março de 2018


vale a pena fazer assinatura de carro?

Março de 2019


carro fácil porto seguro

Podemos perceber que os valores estão bem menores em 2019 e a economia mostrada no próprio site é de 5%. Lembre-se que os cálculos deles são em situação mais extremas como o preço da venda de um carro e a taxa investida, ou seja, você pode vender o carro por um preço melhor do que o apresentado e investir com uma taxa melhor também.

De qualquer maneira o valor investido por dois anos mostrado em 2019 é bem maior do que o mostrado em 2018. Quase 6 mil reais de diferença do dinheiro investido se alugar por dois anos. Vamos passar então a entender os cálculos apresentados por eles.

Março de 2018


Porto Seguro



Março 2019



Podemos perceber que nos cálculos da Porto Seguro, em 2019 perde-se menos dinheiro do que os cálculos feitos em 2018. O preço do carro não variou muito mas o que eles colocam como "acabei perdendo" subiu bastante. Outra coisa que reduziram quase à metade foi o valor do despachante, coisa que eu já havia citado que R$ 1.500,00 como antes estava um preço absurdo.

Já na venda do carro em 2019 ficou com cinco mil reais positivo em relação à 2018. No fim, a perda de dinheiro em 2019 foi menor se comprasse um carro, bem como o valor da assinatura também está menor.



Assinatura de carro Unidas Rental Cars


Agora vamos ver o mesmo carro na Unidas Rental Cars. A simulação anterior foi de um Toyota Corolla por 12 meses.

Março 2018


assinatura de carro



Março 2019

assinatura de carro
assinatura de carro


Na Unidos eles são mais dramáticos. Fizeram a simulação considerando 100% de financiamento na compra de um Corolla zero mas tudo bem. Notem que os valores de compra do carro ficaram praticamente iguais. Já os valores da assinatura ficaram bem mais baratos na simulação. A diferença entre as prestações beira os 900 reais. Eu disse prestação mensal de diferença de 900 reais hein!

Já na parte da economia, eles dizem que é quase onze mil reais mas na aplicação a diferença foi em torno de R$ 1.650,00. Outro ponto a considerar é que na simulação feita por eles, em 2018 a perda na venda era de 15% e em 2019 colocaram pra 20%. Esses cálculos são sempre tendenciosos.



Assinatura de carro na Movida 


Na Movida eu também tinha simulado um Toyota Corolla mas se me lembro bem, não havia uma tabela comparativa com os preços como os demais.


Março 2018

assinatura de carro


Março 2019

assinatura de carro

Como já havia comentado no post do ano passado, a simulação da Movida é meio confusa, de qualquer maneira podemos ver as diferenças nos preços que não são nada pequenos. O valor total com desconto saiu de 41 mil para 26.800. Uma bela diferença. O valor total com desconto também foi de 44500 em 2018 para 29500 em 2019.

Se compararmos o valor médio de uma diária temos 113 reais em 2018 contra 73 reais em 2019, ou seja, diferença de 40 reais por dia. Lembrando que são 365 dias de assinatura. Por fim, vejam a tabela apresentada no site deles.

A Movida saiu na frente e já fez uma comparação entre assinatura de carro e andar de Uber, vejam:


Conclusão


A assinatura e carro é uma modalidade relativamente nova no Brasil e são poucas as locadoras que oferecem o serviço. Vimos no post do ano passado os valores que atualizados após um ano neste post, estão bem mais baixos. Podemos notar que o serviço está ficando mais barato e com isso cabe uma análise bem apurada antes de decidir.

Imagine que você tenha feito a assinatura de carro ano passado já no plano de dois anos e chega agora o preço da mensalidade está quase 900 reais mais barato? Lógico que você iria querer uma renegociação com a locadora né. Este é o risco de fazer um contrato de médio prazo com algo que pode variar muito em apenas um ano.

Outra conclusão é que as locadoras sempre apresentarão cálculos que as favorecem como a porcentagem da depreciação que a Unidas aumentou de 15 para 20% de 2018 para 2019, custo do despachante dentre outros custos. Cabe a você sentar e fazer uma análise mais isenta de emoções para saber se o serviço te atende ou não.

E você? O que achou dos novos valores? Faria a assinatura de carro ao invés de comprar um carro? Faria a assinatura de carro ao invés de andar de Uber ou táxi? Deixe sua opinião nos comentários abaixo. Não deixem de ler o post anterior onde faço os cálculos para saber se vale a pena ou não fazer assinatura de carro.

Forte abraço a todos!


You May Also Like

18 comentários

  1. Parabéns pela postagem. Desconhecia essa modalidade, vou pesquisar mais. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Não acho que compensa.
    Se o desejo da pessoa é ter um carro a disposição, a compra é melhor, visto que após o prazo do contrato você não tem nada, já na compra do carro (apesar de mais cara), você terá o veículo, depreciado, mas terá.
    Fora que o carro é seu e você pode ficar 5, 10, 20 anos com ele. Nestes casos, a vantagem da compra é enorme.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então Anonimo. A comparação é feita para ver se, financeiramente compensa. Se você pegar o valor do carro à vista e investir, será que é melhor do que comprar?

      Existem diversos fatores que fazem a compra do carro ser mais vantajosa quanto às distâncias dos principais lugares que você visita. Se tiver que pegar táxi ou uber varias vezes ao dia, com certeza sairá mais caro. Se alugar pode ser que fique mais em conta. Se não trocar de carro tão cedo como você citou, talvez comprar seja melhor.

      Excluir
  3. Eu apesar de ter carro acho que um equilíbrio maneiro seria um carro com 20 anos de uso (em sp não paga mais IPVA)completo e mais barato possível com seguro para terceiros até aquelas cooperativas que vc paga 130 por mês serve,e quando for viajar, para festas ou algum evento diferente aluga um carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caramba, 20 anos de uso? Será que não daria dor de cabeça com manutenção. E ainda alugar carro quando precisasse? Misturou as duas coisas 😂

      Excluir
    2. Se pegar um carro bom só manter manutenção em dia , mais sim um carro nessa idade tem muito mais chance de quebrar, ainda assim o custe de manter carro novo e um usado é muito diferente, eu pegaria um astra, gol parati corsa hoje em dia um carro desse deve custar uns 10k ta ótimo pra ir no mercado , trabalhar fazer coisas do dia dia . Ai quando quiser fazer grandes deslocamentos onde o risco de quebra é maior faz com carro alugado(alugado na diaria). Esse é meu objetivo mais por enquanto como preciso de carro automático não se acha carros bons que não paguem IPVA.

      Excluir
    3. Acho que fica bom como o Frugal comentou. Com 40-50k você compra um bom sedan como corolla ou civic e mantém a manutenção dele. Pode comprar com 5 anos de uso e ficar mais 10.

      Excluir
  4. Olha, nao acho que compensa nem de longe.
    Talvez pra quem troque muito de carro compense, ou pra quem quer fazer uber ou usar o carro para fins comerciais (usar o dia todo), mas pra quem usa o carro num ritmo médio não acho não.

    Comprei meu carro em 2011 por 43k e estou com ele até hj.
    IPVA e seguro ficam mais baratos a cada ano que passa e você tem efetivamente o carro por vários anos. Já vi uma longa discussão sobre isso na Bastter e pra mim não tem nenhum argumento que isso aí dê certo. Além do mais, com 40-50k vc compra um corolla ou um civic usados de uns 5-6 anos e dá pra rodar mais uns 10 anos no mínimo, com pouco gasto de manutencao, ipva e seguro.

    Essa coisa toda ae é boa pra locadora e pros acionistas, ou então apenas em casos muito, muito específicos como falei acima.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Frugal,

      Boas colocações. No post anterior já tinha comentado isso. Se você fica com o carro mais de 3 anos, já não valeria a pena. Agora eles tornaram o serviço mais barato pra tentar deixar mais atraente mas mesmo assim ainda não acho.

      Se for pra utilizar o carro diariamente como um vendedor que roda muito todos os dias e vai a lugares ruins que detone o carro cedo, talvez valha a pena.

      Abraço.

      Excluir
  5. Tambem nao acho que valha a pena. Aqui no Canada financiei meu carro em 84 meses sem juros e ainda inclui o custo da manutancao dos primeiros 4 anos no financiamento. Minha ideia sera levar o financiamento ate o final sem trocar de veiculo. A grande vantagem aqui é a taxa de juros super baixa (no meu caso peguei ZERO de juros) e o custo do carro por volta de 40% menor que no Brasil. (Um Honda Civic que meu pai pagou R$110mil ai no Brasil, por aqui sai por $20mil).
    Abraço!

    Executivo Investidor
    www.executivoinvestidor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah sim Executivo, aí é outra realidade. Tem esse serviço de assinatura aí?

      Excluir
  6. Parece um leasing repaginado, nao ? Propriedade de carros só vai acabar mesmo quando for um serviço agil de compartilhamento estilo esse que tem das bicicletas e patinetes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior que parece mesmo. Eu pensei nesse compartilhamento. Já existem lugares que fazem isso por aplicativo.

      Excluir
  7. Carro é um mal necessário e nunca será investimento, dito isso acho que a maneira de perder menos dinheiro será sempre comprar à vista um semi-novo em boas condições... todo o resto seja carro zero, leasing ou assinatura vc sempre terá um prejuízo maior.

    Sr.IF
    www.srif365.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 365, exatamente isso, pelo menos na maioria das regiões brasileiras. Quando estava em NY nem lembrava o que é ter carro mas no Brasil, amo o meu.

      Comprei de um amigo após um ano guardado né, porque ele só andou 4800 km, ou seja, comprei praticamente zero, na garantia mas bem mais barato que na concessionária.

      Excluir
  8. Eu fiz os cálculos financeiros, comparando os dois projetos, em termos de viabilidade. No final das contas o calculo que as locadoras apresentam está totalmente equivocado e diria ate que é uma propagana enganosa. Explico:
    Se você, em vez de comprar um carro à vista por R$ 55mil, pegar esse dinheiro e investir a uma taxa razoável de 8%aa e decidir alugar pagando R$ 1800/mês, você pode pensar que é vantagem se você não retirar os rendimentos para pagar o aluguel. Oras, mas assim não vale porque aí eu teria que comparar com a seguinte situação: Compro o carro por R$ 55mil e pego o valor de R$ 1800 que sairia do meu bolso para investir todo mês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí Bruno, ainda tem a inflação que você não considerou. Esses 8% aa que você considerou se for líquido da inflação eu diria que é bem difícil de conseguir.

      Excluir

Deixe aqui seu comentário, colabore com a comunidade rumo à independência financeira!