Pix ou Cartão de Crédito - Qual você usará mais?

by - 06:23

 Fala galera da Finansfera!!!

Pix ou cartão de crédito


O Pix chegou e está funcionando que é uma beleza, não é verdade? Eu mesmo já usei 5 vezes e foi muito rápido. Fiz algumas transferências entre minhas contas em bancos diferentes e tudo funcionou muito rápido. Em questão de segundos o dinheiro já estava na conta assim como uma transferência entre contas do mesmo banco.

O Pix veio e vai revolucionar os meios de pagamentos no Brasil. No exterior, já existem algumas soluções no mesmo nível como o Zelle Payment. Em minha humilde opinião, já era hora de o governo fazer algo que funciona à altura das empresas privadas. Agora a concorrência vai ficar maior e, consequentemente, teremos melhores ofertas, pelo menos é assim que deve funcionar.


Como o Pix funciona?

Não vou fazer um post explicando como o Pix funciona porque temos isso em todas as instituições financeiras. Quem não recebeu pelo menos 2 e-mail das suas contas em bancos e aplicativos de pagamentos ensinando a cadastrar suas chaves? É aqui que vem a parte mais importante e a primeira briga das instituições financeiras: cadastrar as chaves.

Como você já deve saber, só podemos cadastrar 5 chaves. As instituições financeiras já estão fazendo propaganda massiva para que você cadastre mais de uma chave no mesmo lugar. As chaves são cadastradas justamente para a utilização do Pix, então, caso você cadastre mais de uma chave em um mesmo banco, estará reduzindo seu rol de negociações com o Pix.

Eu tenho várias contas em bancos e aplicativos de pagamento como Mercado Pago, RecargaPay e PicPay. Escolhi as contas que mais utilizo para cadastrar as chaves. 3 delas foram para os bancos Brasil, Nubank e Caixa Econômica Federal. As outras duas ainda não cadastrei. Com as chaves cadastradas, você consegue fazer as transações instantâneas. Caso queira fazer uma transação sem ser pelo Pix, poderá fazer nos sistemas normais conhecidos por todos como TED e DOC. O mais importante é que o Pix é de graça.



Por que as instituições financeiras querem seu Pix?

A resposta é simples, para que você utilize mais aquela instituição financeira! Imagine que você cadastre 3 chaves em um mesmo banco e até ganhe bônus por isso. Provavelmente você vai querer fazer as negociações instantâneas com o Pix e vai priorizar aquela instituição financeira para deixar seu dinheiro. Quanto mais dinheiro parado no banco, melhor para o banco. 

Essa propaganda massiva de cadastrar mais de uma chave na mesma instituição tem esse objetivo, levar você a fazer a maioria das operações com aquela instituição. Essa é a primeira concorrência que vejo, a de brigar pela sua chave.

Bom, esse é o resumo do Pix e de suas operações. Agora tecerei breves comentários sobre os cartões de crédito relacionados com o Pix.


Pix ou cartão de crédito - Qual você usará mais?

Algumas pessoas estão prevendo a morte dos cartões de crédito com a chegada do Pix. Muitos estabelecimentos podem fazer campanhas de recebimento direto pelo Pix em detrimento do cartão de crédito. Isso até seria um grande problema se o brasileiro tivesse uma boa poupança e muita educação financeira, o que não tem.

Por enquanto o Pix é uma transferência entre contas, então, você precisa ter o dinheiro na conta. Se quiser comprar algo parcelado, ainda terá que usar o cartão de crédito. Há uma previsão de que o Pix faça parcelamentos a partir do ano que vem, mas de qualquer maneira o Pix parcelado não terá algo que os cartões de crédito oferecem: Benefícios!

Eu já escrevi sobre o uso do cartão de crédito há anos, mas tirei o post do ar porque escrevi na época que criei o blog e depois entrei no anonimato. Agora, já estava rascunhando o post novamente quando me surgiu a ideia de comentar sobre o Pix. Em breve, farei um outro post falando de como ter os vários benefícios que os cartões oferecem.

Os cartões de crédito oferecem dezenas de benefícios que a maioria de nós desconhece. Só o fato de poder acumular milhas, dobrar estas milhas com promoções e depois vender, já é algo muito lucrativo. O mercado de milhas é gigante e poucas pessoas o conhecem bem. 


Outros benefícios como assistência automotiva, assistência residencial, seguro viagem, serviço de leva e traz para o aeroporto, desconto em shows, cinemas, salas VIP em aeroportos e hotéis são "de graça" se você utilizar o cartão de crédito. Eu já utilizei muitos benefícios dos cartões, mas não consegui usar todos ainda. 

Mas você pode falar que o cartão de crédito é o maior vilão da educação financeira fazendo os brasileiros se enfiarem em dívidas. Aí eu te respondo que não é! O problema é o mal uso do cartão de crédito. A pessoa gasta mais do que ganha, não anota seus gastos e depois quer colocar a culpa no cartão de crédito. Tudo se resume à educação financeira.

Alguns cartões cobram anuidades, mas não necessariamente você precisa pagar e explico rapidamente. Todos os anos as diversas instituições que oferecem cartões de crédito fazem promoções de anuidade grátis no primeiro ano. Com um pouco de disciplina e organização você consegue ter dois ou mais cartões, aproveitar todos os benefícios e não pagar anuidade nenhuma. Vou citar meu exemplo.


Meu estudo de caso com cartões de crédito

Eu tinha 3 cartões da série top. O American Express The Platinum Card, conhecido como TPC, o Porto Seguro Infinite com o Priority Pass que dá acesso a mais de 900 salas VIP no mundo todo e o Bradesco Infinite. O TPC eu recebi após anos usando o AMEX Gold sem pagar anuidade. Como era uma oferta da própria AMEX, eu não paguei anuidade e permaneci assim por 6 anos até cancelar mês passado por cobrarem anuidade.

Com o TPC eu fui a várias sessões do Cinemark pagando meia entrada no cinema e na pipoca. Também viajei bastante e sempre ficava na sala VIP dos aeroportos com comida e bebida de graça. Sabe quanto custa um pão de queijo com capuccino no aeroporto? Pois é, um roubo. Nas salas VIP você come tudo o que tem, bebe cerveja, refrigerante e até vinhos, whisky e espumante de graça.

Já visando uma cobrança de anuidade pelo TPC, eu resolvi aderir a uma promoção da Bradesco que me isentava da anuidade por 2 anos e ainda me dava 40 mil pontos no cartão. Usava este cartão uma vez a cada 3 meses só para ter movimentação. 

Já o Porto Seguro Infinite eu solicitei justamente por causa do Priority Pass. Ele cobra anuidade se você não tiver gastos acima de 15 mil reais por mês. Como coloco todas as dívidas no cartão de crédito, não pago anuidade dele. Mesmo assim a Porto Seguro tem a anuidade mais democrática que conheço, ela é mensal e se você não atingir uma das duas metas de gasto mensal, você paga aquela parcela da anuidade proporcional. 


Por exemplo, uma anuidade de 1200 seriam 120 reais por mês. A Porto Seguro coloca que se você gastar mais de 6 mil reais no cartão, a parcela cai 50% e se gastar mais de 15 mil, não paga a parcela. Acho isso muito bom porque você tem todos os benefícios e mesmo que não fique isento da parcela todos os meses, em algum mês do ano você pode ter uma ou mais faturas no valor de 15 mil. O Natal está aí para mostrar isso.

Esses são poucos exemplos de como a gente pode se beneficiar dos cartões de crédito sem pagar anuidade. Com a chegada o Pix, creio que as instituições financeiras que oferecem cartão de crédito irão dar seu jeito de oferecer mais serviços para que você use mais os cartões do que o Pix. No fim das contas, é mais uma concorrência onde nós podemos ter mais opções com mais benefícios.


Considerações Finais

O Pix chegou para ficar e achei interessante que o governo lançou algo à altura de concorrer com as instituições financeiras. Espero mesmo que tenhamos mais concorrência para melhorar e baratear os serviços. Mesmo com a chegada do Pix, não acredito que o cart!ao de crédito irá morrer, muito pelo contrário, acredito que os emissores de cartões de crédito irão oferecer melhores benefícios para competir com o Pix.

E você? Já testou o Pix? Acha que os cartões de crédito estão com seus dias contatos? Qual você usará mais? Pix ou cartão de crédito? Se quiserem que eu faça um post detalhando como obter esses benefícios e o contato de uma pessoa que faz os cartões, deixe nos comentários.

Abraço a todos!

BPM

You May Also Like

16 comentários

  1. Pix mais uma solução tupiniquim que não é integrado com o exterior. De que adianta algo assim? Só me será útil o dia que permitir transacionar em dólar e lincar meu cartao de crédito nele se não nao vou usar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se conectar com uma conta no exterior aí fica perfeito. Eu vejo o pix como um ted gratuito e rápido, coisa que o Nubank já faz.

      Excluir
  2. BP acho que você cometeu um equívoco. Você pode cadastrar até 5 chaves por conta. Já cadastrei várias chaves em várias contas.

    Apenas o número do celular, CPF/CNPJ e e-mail que poderão ser cadastrados como chave em uma conta bancária. Mas a qualquer momento você pode excluir uma chave e cadastrar uma nova em outro banco.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa será isso e eu entendi errado? Acho que fiz confusão com o telefone, e-mail e CPF. Vou fazer o teste. Quanto à cancelar, eu vi que pode cancelar.

      Excluir
  3. Cara eu acho que vou continuar usando o cartão de debito e crédito,
    PIX só pros TEDS, acho bem mais conveniente por enquanto usar o cartão do que um app pra pagar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso o mesmo Anonimo. O Nubank pra mim era quase um Pix. Eu vou usar somente para transferências, de resto continuarei com o crédito.

      Excluir
  4. O bom do PIX é que agora todos os bancos tem o TED gratuito, antes tinha que criar conta modalidade digital pra isso.
    Para pagar contas dia a dia ainda uso cartão de crédito ou dinheiro, apesar que dinheiro cada vez menos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente. Para mim isso está sendo uma maravilha!!!

      Excluir
  5. Um ponto importante na "troca de cartões" para ter acesso à primeira anuidade grátis é que, quando vc cancela o cartão, perde os benefícios ainda não utilizados. Ex.: Se comprei passagem aérea com o cartão pensando em utilizar o benefício "seguro viagem", não posso cancelá-lo antes de viajar; se comprei um eletrodoméstico com o cartão para fazer jus à garantia estendida, cancelando o cartão, já era a garantia...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa observação. Por isso interessante e ficar com o cartão o tempo todo da anuidade gratuita e se conseguir negociar anuidade zero pro próximo ano, melhor ainda.

      Excluir
  6. O maior problema do cartão de crédito é que as pessoas utilizam ele como uma extensão do salário ou complemento de renda, quando na verdade ele é só uma forma de pagamento. Se todos entendessem isso, acho que uns 90% ou mais das dívidas com cartão dos brasileiros desapareceria num piscar de olhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! É a simples educação financeira que falta ao povo.

      Excluir
  7. Acho que sou a única pessoa da blogosfera que ainda não fez um PIX (por falta de oportunidade)! Estou com inveja hahahah.

    Eu achei uma ideia muito bacana, é bom pois você pode transferir aos finais de semana para uma pessoa de outro banco e ela recebe o dinheiro na hora, além disso, você precisa de poucos dados para concluir a transferência, o TED/DOC demandava muitos dados e muitas vezes a pessoa que você ia transferir não tinha ou não sabia tudo na ponta da língua. Sobre os custos eu nunca tive esse problema, sou cliente do bancão e me deram uma quantidade de TEDs/DOCs gratuitas que atendiam tranquilamente a minha necessidade.

    Acho bacana quem usa cartão de crédito para acumular milhas, infelizmente eu uso pouco o cartão de crédito, na verdade é raríssimo eu usar ele. Eu fiz as contas de quanto eu gasto por mês e gastar no cartão de crédito não me pagaria nem uma passagem de avião para a capital do estado (esse é o meu beanchmark para milhas). Mas quem tem um volume bacana de gastos vale muito a pena.
    Eu não viajo muito e nem tenho um cartão com acesso a essas Salas VIPs, mas deve ser muito bacana comer de graça nos aeroportos.

    Sobre PIX VS. Cartões, acho que dificilmente ele vai substituir os cartões, é tipo aquele negócio de pagamento por NFC, quando começou a febre disse uns 2 anos atrás, a galera falava "é o fim dos cartões físicos", não percebi isso, pelo menos aqui no interior acho que 98% das transações são feitas em cartões tradicionais.

    Abraços,
    Pi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem isso aí PI. A maioria nem conhece o NFC. O Pix veio e vai ficar mas os cartões continuarão sendo preferência.

      Excluir
  8. Eu sinceramente vejo o PIX como um meio de transferências, não como um meio de pagamentos. Afinal, no débito não traz grandes vantagens em relação às carteiras digitais como a Ame e a Samsung Pay, sem falar que a maior parte das compras no Brasil é feita de forma parcelada. Além disso, no quesito bancarização, sejamos francos, quem paga hoje com dinheiro dificilmente usará o PIX. Não vejo a minha avó ou as minhas tias pagando com o celular...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom ponto de vista Fazendo as Contas. Com certeza os jovens usarão mais que os mais velhos. É algo que levará um certo tempo para mudar.

      E pagar a vista nem sempre é melhor opção né. Então, vamos parcelar sem juros e juntar minhas.

      Excluir

Deixe aqui seu comentário, colabore com a comunidade rumo à independência financeira!