Reinvestimento de dividendos (continuando estudo de caso de EPR Properties)

by - 13:11

Fala galera da Finansfera!!!

Investimentos no exterior - REIT - EPR (estudo de caso)


Na semana passada postei um estudo de caso sobre uma compra seriada por 10 anos do REIT EPR para saber o quanto teríamos de renda mensal e se seria suficiente para viver uma aposentadoria e o resultado foi surpreendente, caso não tenha visto, confira aqui.

Hoje trago o mesmo estudo, porém com uma ressalva, ao invés de já utilizar os dividendos desde o primeiro pagamento, como foi o caso do outro estudo, vamos reinvestir os dividendos pelos 10 anos. A ideia é ver como teríamos se saído caso tivéssemos investido os dividendos por 10 anos pensando em uma aposentadoria no futuro.



Para quem quer viver de dividendos no futuro o ideal é reinvestir os dividendos e desta forma os juros compostos trabalham mais ainda pra você e o tempo de acumulação pode ser diminuído. Vamos ver como ficou no final em comparação com o estudo anterior.

A soma dos dividendos nos aportes:

Aqui eu apenas somei o valor dos dividendos no valor do aporte mensal. Desta maneira peguei aquele aporte em reais, o que comecei com R$ 3.000,00 e fui corrigindo com a inflação e converti pra dólar. O valor em dólar eu somei os dividendos líquidos ganhos no mês anterior.  E assim fui somando durante os 10 anos. Acompanhem na tabela abaixo:

Vejam aqui uma stock que em menos de um ano subiu mais de 100% somando os dividendos!



Conclusão:

Como podemos perceber reinvestir os dividendos faz a renda aumentar consideravelmente. Em média deu 30% a mais na carteira em 10 anos, ou seja, 3,3 anos de diferença.


Não seria nada mal ter 317.345,92 dólares na conta, o que hoje com dólar a R$ 3,68 daria R$ 1.167.832,99 e ainda receber mensalmente 1.467,56 dólares ou R$ 5.400,62. O que acham?

Desta maneira mais uma vez fica comprovada a eficiência dos reinvestimentos dos dividendos na fase de acumulação.

Se você não acompanhou os detalhes do estudo anterior, clique neste link e veja todos os parâmetros usados no cálculo.

Por enquanto é isso pessoal. Deixem seus comentários abaixo.

Abraço a todos!

You May Also Like

10 comentários

  1. Muito legal BPM. Agora sim ficou completinho.
    O bacana do DRIP (reinvestir os dividendos) é que você adiciona açoes ou fraçoes ao principal e não dinheiro. Isto faz uma diferença grande no final pois vc é dono de mais partes da empresa!abcs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente AA40,

      Perceba que o aumento foi de 1361 cotas ao longo do tempo. Um terço é bastante coisa.

      O próximo vai ser VNQ.

      Abraço.

      Excluir
    2. No aguardo pra ver o do VNQ que é o meu preferido!

      Excluir
    3. Esse não caiu muito o valor da cota. Vamos ver.

      Excluir
  2. opa BPM! Belíssimo trabalho!
    Essa é pro pessoal perceber que dividendo não é "brinde" e nem dinheiro de cafézinho, o dividendo é um catalisador da sua carteira de investimentos e deve ser totalmente reinvestido sempre que possível.

    A diferença foi bastante significativa de fato e R$ 5400,00 por mês limpinhos já dão para pagar um aluguel de R$2000,00 e ainda sobram R$3400 pra supermercado, celular, internet, gasolina e energia elétrica, ou seja 90% das contas básicas do ser humano sendo pagas pelo investimento, excelente!

    Parabens pela complementação do estudo. Pessoal do Buy and Hold gosta muito desse tipo de estudo pq ele torna as coisas muito mais palpáveis e ajuda a incentivar a seguir com persistÊncia os aportes mensais.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Frufal!

      Será que mesmo depois desses comparativos ainda tem gente que critica o recebimento e o reinvestimento de dividendos?

      Se uma pessoa se programar certinho, vai ter a aposentadoria tranquila. Imagina aumentar mais 5 anos nesse estudo. Creio que chegue próximo aos 10k reais.


      Abraço.

      Excluir
    2. o único risco é se essa merda do reit que vc investe quebrar ou começar dar prejuizo e os inquilinos quebrarem/sairem ou darem calote

      Excluir
    3. Olá anonimo,

      Esse risco acontece com qualquer ativo. Seja ele REIT, FII, ações ou outro qualquer. O gerenciamento de risco de uma carteira deve ser feito de acordo com o perfil do investidor.

      De qualquer maneira antes de qualquer ativo quebrar ele da sinais. A quantidade de estabelecimentos dentro de um REIT desses é muito grande e provavelmente não acontecerá de todos saírem de uma só vez e quebrar.

      Pelo menos no histórico de 10 anos a situação figurou ao contrário, ele cresceu bastante.

      Abraço.

      Excluir
  3. https://seekingalpha.com/article/4176937-epr-properties-gets-new-tenant

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente anônimo,

      Não temos como precisar os ganhos mas podemos perceber que é um case promissor para o futuro, ou seja, longo prazo. Vamos ver a receita que virá e por quanto tempo será o contrato.

      De olho nos próximos 10 anos e para aqueles que não compraram nos últimos 10 anos, olhem ai a oportunidade...

      Excluir

Deixe aqui seu comentário, colabore com a comunidade rumo à independência financeira!

Siga o BPM!